A Associação Brasileira de Facilitadores de Biodança (ABRAÇA) tem como missão a valorização da vida em suas diversas expressões e o fortalecimento da Cultura Biocêntrica. Defendemos a nutrição dos vínculos afetivos e as relações de cooperação. O nosso compromisso é com o crescimento humano integrado à natureza e o desenvolvimento da sociedade de forma democrática e ética.

Defender a família é recusar xenofobia, racismo, discurso de ódio e posturas antidemocráticas. Somente com o compromisso amplo e irrestrito à diversidade podemos construir um país com justiça social e respeito à sociedade plural que representa a população brasileira.

Aproximação com representantes de partidos de orientação neonazista é um retrocesso histórico, porque nega as atrocidades do Holocausto. Não compactuamos com tendências racistas, sexistas, islamofóbicas e antissemitas, porque são incoerentes com o Princípio Biocentrico.

Recusamos ditaduras de qualquer tendência, regimes de exploração dos mais fracos e defendemos o estado democrático de direito igualitário. Colocamos a vida como eixo central de todas as questões e consideramos o antropocentrismo como pensamento ultrapassado.

Repudiamos o genocídio provocado pelo atual abandono do país por falta de uma política de saúde que priorize a vacinação da população. A atitude levou ao agravamento da pandemia e ao triste recorde do número de mortos. Queremos vacina para todos!

Negligenciar a pandemia é uma ataque à integridade física e emocional de uma nação, um crime contra a humanidade. Estamos convictos que a valorização da vida exige que a saúde, democracia e direitos humanos sejam priorizados.

ABRAÇA

Associação Brasileira de Facilitadores de Biodança